Ivinhema - MS, terça-feira, 22 de agosto de 2017

10º min
26º min



Publicado em: 07/11/2016 às 08h44

Autor de vídeo pode ter forjado sequestro, após vazamento de áudio que compromete Prefeito, advogado e assessor em Fátima do Sul. OUÇA


Fatima em Dia

Foto: Divulgação

A Polícia Civil de Fátima do Sul vai instaurar inquérito para investigar o suposto sequestro e cárcere privado de Ederson Ferreira Gonçalves, de 25 anos, na noite da última sexta-feira (04) em Fátima do Sul, no sul de Mato Grosso do Sul.

 

Ederson Ferreira é um dos homens responsáveis por uma trama em que gravou um vídeo em sua residência durante as eleições municipais de Fátima do Sul, sobre uma suposta compra de voto.

 

O que intriga a população da cidade de Fátima do Sul, é que o suposto sequestro acontece na semana em que houve o vazamento de áudios, em que o autor do vídeo Ederson Ferreira, aparece narrando valores que teria recebido pela trama do vídeo. Em uma narração Ederson relata, “foram 100 de um 100 de outro, cesta básica, exame médico, gasolina, documento de moto pago, depois que eu fiz essa armada foram 3 mil, pra eu cair fora da cidade e mais 2 mil na conta”. Segundo o autor foram efetuados outros pagamento de mil reais. No áudio Ederson afirma, “já peguei mais de 10 conto”, (no caso R$ 10 mil).

 

Em alguns momentos o autor se mostra irritado pelo não cumprimento do acordo. “Tudo que eu peço ele dá, mas não esta lá 50, 60 mil na minha conta, toma no c. doido”. Na narração ele diz não querer carro, e sim quero grana, dinheiro pelo trabalho que ele fez, em um trecho ele diz estar brigando com a mulher dele sempre, e ainda ameaça arrebentar o Junior ao meio e cair fora, deixo ela sozinha (no caso a mulher dele), dizendo ir para Manaus deixando tudo para trás.

 

Em depoimento, Ederson afirmou que após o vídeo sai da cidade com um veículo oferecido, pelo advogado e procurador jurídico do município Fábio Carvalho Mendes. Após voltar para a cidade de Fátima do Sul, Ederson passou a usar um veículo Fox, de propriedade do Secretário de Educação, Ênio Gonçalves Vasconcelos, flagrado estacionado na garagem de sua residência, localizada no Bairro Jardim dos Ipês, em Fátima do Sul.

 

Os áudios foram divulgados na semana passada e que podem comprometer o Prefeito Junior Vasconcelos (PSDB), o advogado e procurador jurídico do município, Fábio Carvalho Mendes e o assessor identificado na gravação como Jeferson, ficam claros os relatos de toda ação montada, para conseguirem a gravação.

 

OUÇA O ÁUDIO

 

REGISTRO POLICIAL

 

De acordo com o que narrou aos policiais, Ederson Ferreira disse que na noite de sexta-feira (04), ele estava no local onde sempre aguarda o ônibus que o leva à usina em que trabalha quando quatro homens, sendo dois armados com pistolas, numa SUV, o abordaram dizendo: "Então você é o cara do vídeo".

 

Ederson Ferreira disse que foi levado a um local não identificado, onde teria sido drogado, espancado e ameaçado. Ainda de acordo com o que está lavrado no BO, Ederson Ferreira foi libertado na manhã de sábado (05).

 

O Boletim de Ocorrência foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Fátima do Sul, ás no inicio da tarde de sábado (05), onde Ederson Ferreira, foi acompanhado do seu advogado Fábio Carvalho Mendes.

 

O caso já está sendo investigado pela Polícia de Fátima do Sul.