Ivinhema - MS, quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

10º min
26º min



Publicado em: 28/03/2017 às 16h37

NOVO HORIZONTE DO SUL: Prefeito sofre primeira derrota na Câmara Municipal


Ivinoticias

Foto: Ivinoticias

Sessão da câmara de vereadores de Novo Horizonte do Sul

Em Novo Horizonte do Sul, o prefeito Marcilio Benedito colheu sua primeira derrota na Câmara Municipal de Vereadores. Apesar de todos os vereadores se alinharem com o prefeito a pressão popular e dos funcionários da saúde do município, o projeto de lei complementar numero 002/2017 de 20 de fevereiro de 2017, feito pelo prefeito para tirar ou reajustar à gratificação de apoio a saúde foi barrada pelos vereadores.

 

Conforme apurou o Site Ivinoticias, o prefeito Marcilio que há poucos meses pregava apoio aos funcionários públicos tentou tirar um direito dos servidores municipais da área da saúde através da alteração do artigo 49 da Lei Complementar Nº 025/2003 da prefeitura Municipal de Novo Horizonte do Sul, no qual ele queria que a gratificação de apoio a Saúde de 20% para todos os funcionários, fosse alterada deveria passar a ser concedida aos servidores lotados na Gerencia Municipal de Saúde, por critérios avaliados pelos responsáveis da pasta, com base em critérios de avaliação de desempenho, concedidas para os servidores que exerçam atividades extras ao cargo efetivo de origem.

 

De acordo com alguns moradores e servidores a manobra do prefeito era bem clara em favorecer alguns funcionários ligados a ele, como também colocar um ‘cabresto’ nos demais.

 

GRATIFICAÇÕES

 

A economia do prefeito não se aplica a outros funcionários como ligados ao seu gabinete, que já são nomeados com gratificação de 30%, Como é o caso do comissionado nomeado como Secretário da Junta de Serviço Militar e de uma funcionaria que será lotada na gerencia municipal de Educação, Esporte, Turismo, Cultura e Lazer (GEMED).