Ivinhema - MS, quarta-feira, 22 de novembro de 2017

10º min
26º min



Publicado em: 18/07/2017 às 10h31

Vereadores registram BO contra internauta que questionou gastos de R$ 130 mil em diárias

Somente Germino Roz (PR) e Denise Pesqueira optaram em não representar o internauta


- Jornal da Nova

Liderados pelo presidente da Câmara de Batayporã, Cícero Leite (PSDB), sete dos nove vereadores do município registraram um boletim de ocorrência por calúnia, injúria e difamação contra o internauta Leonardo Pimentel. Pelo Facebook, ele questionou o volume de gastos dos parlamentares em diárias.

 

De acordo com o documento postado na rede social, de fevereiro a junho deste ano os vereadores de Batayporã gastaram R$ 131.982,50 com o benefício. Entre os noves parlamentares que integram a Casa de Leis, apenas a vereadora Denise Pesqueira (PDT) não solicitou os recursos no período. 

 

A veracidade dos valores foi confirmada ao Jornal da Nova por um dos vereadores. Entre os parlamentares que acompanharam Cícero Leite no registro do boletim de ocorrência, somente Germino Roz (PR) e Denise Pesqueira optaram em não representar o internauta.

 

Segundo a publicação de Leonardo Pimentel, o ranking de diárias, inclusive, é liderado pelo próprio presidente do Legislativo, que gastou R$ 22.597,50 em diárias nos últimos cinco meses. O tucano é seguido por Nivaldo (PSDB), com R$ 18.012,50; e Cacildo (PTB), com R$ 17.030,00, mesmo montante gasto por Maurício Ribeiro (PMDB).

 

A relação de gastos segue com Cabo Máximo (PMDB), R$ 16.702,50; Danilo Enz (PSDB), com R$ 16.375,00; e Samuel (PSB), com R$ 15.720,00. Entre os vereadores que solicitaram o benefício, Germino Roz aparece na lanterna de gastos, com R$ 8.515,00, enquanto Denise Pesqueira não reivindicou um centavo se quer. 

 

A publicação do internauta lembra ainda que “esses valores é só referente às diárias”. “Além das diárias, receberam aproximadamente R$ 34 mil cada um de salários, de janeiro até junho de 2017. Tá bom pra vocês ou querem mais”, aponta Pimentel na postagem.

Reportagem tentou contato com presidente da câmara, Cícero Leite, as ligações caíram em caixa postal, mas o Jornal da Nova está a disposição caso a Casa de Leis queira se manifestar.