Ivinhema - MS, terça-feira, 17 de outubro de 2017

10º min
26º min



Publicado em: 12/10/2017 às 08h33

MS 40 anos: Por amor, a ‘Maria’ dos jacarés se recusa a sair da rodovia BR-262


midiamax

Foto: midiamax

A BR 262, principal caminho que atravessa o Estado, reserva surpresas para os viajantes que tem como destino Corumbá ou sua fronteira com a Bolívia. Entre as maiores delas, está um pequeno recanto, localizado pouco antes do km 654, que é uma casa simples de beira de estrada com um ‘quintal’ que mais lembra uma réplica do Pantanal. Nela, reside uma simpática senhora de 71 anos que preserva símbolos de um bioma inteiro, se recusando a abandonar esses animais mesmo com a idade avançada.

 

Morando com um filho, ‘Maria dos jacarés’, como ficou conhecida, vive no local há 38 anos. Por vir de uma fazenda distante de Miranda, ela só foi registrada com 7 anos de idade. Seu nome de batismo é Eurides Fátima Macena de Barros e seu amor por animais que, normalmente, aterrorizariam qualquer pessoa, é inexplicável.

 

Apesar de morar em um lugar tão vulnerável como uma rodovia e ter uma casa simples, ela não pensa em ir embora. “Eu não conseguiria ir porque eu tenho muita dó dos jacarés. Eu tenho muito amor, eu não conseguiria sair, só se um dia eu ficar doente”.

 

E os animais respondem ao carinho. Os jacarés vêm até a ‘dona’ quando ela toca o berrante (veja o vídeo abaixo). Ela ainda consegue se aproximar e acariciar os répteis, mas respeitando a natureza do animal, sem torná-los bichos de estimação.