Ivinhema - MS, domingo, 22 de abril de 2018

10º min
26º min



Publicado em: 09/01/2018 às 09h37

De contrato renovado, ex-Corinthians corre por fora para ser o substituto de Mina no Palmeiras


Fox Sports

Antonio Carlos foi um pedido de Eduardo Baptista no início de 2017

Um dos 14 reforços contratados pelo Palmeiras para 2017, Antônio Carlos pouco jogou durante o ano passado. O zagueiro, de contrato renovado até o final de 2018, aprova a intensa concorrência do elenco no setor defensivo e planeja atuar com mais frequência.

 

Além de Antônio Carlos, o técnico Roger Machado conta com Edu Dracena, Emerson Santos, Juninho, Luan, Pedrão, Thiago Martins e Yerry Mina como alternativas para armar o miolo de defesa. O colombiano pode deixar o Palmeiras para defender o Barcelona.

 

“Sabemos que no Palmeiras a concorrência é sempre grande. Mas assim que é bom. O professor Roger é um grande treinador. Temos as melhores informações sobre ele. E é claro que os que estiverem melhor vão jogar. Estou focado em jogar mais esse ano. É o meu objetivo. Vou lutar muito, como sempre fiz, para buscar minha vaga”, disse Antônio Carlos.

 

Em 2017, seu primeiro ano como jogador do Palmeiras, o zagueiro participou de apenas nove jogos e não comprometeu. A despeito de ter atuado menos do que esperava, o defensor contratado após passagem pela Ponte Preta faz um balanço positivo do período.

 

“Claro que queria ter jogado mais, ter participado de mais partidas. Mas, quando entrei, correspondi. Por isso, eles optaram por renovar comigo. Fico feliz. É a comprovação que meu rendimento e minha postura aqui no clube valeram a pena”, afirmou Antônio Carlos.

 

O zagueiro de 24 anos participa normalmente do período de concentração do elenco palmeirense na Academia de Futebol. Às 19h30 (de Brasília) do dia 18 de janeiro, no Estádio Palestra Itália, o time alviverde estreia no Campeonato Paulista contra o Santo André.