Ivinhema - MS, domingo, 15 de julho de 2018

10º min
26º min



Publicado em: 11/01/2018 às 15h20

Polícia encontra vasto material pornográfico em casa de idoso supostamente morto em ato sexual

Idoso foi encontrado com as mãos e os pés amarrados na última terça-feira


Topmidia News

Foto: André de Abreu/ Arquivo

A polícia encontrou grande quantidade de material pornográfico na residência do idoso, Luis Sales Moreno de 60 anos, que foi encontrado com as mãos e os pés amarrados na manhã da última terça-feira (9), na Rua Casuarina, Bairro Bom Jardim, em Campo Grande.

Conforme o delegado da 6ª Delegacia de Polícia Civil, Edemilson José Holler, o corpo ainda está no Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) e ele espera o resultado dos laudos. Além disso, imagens das câmeras de segurança de um vizinho que será disponibilizada nesta quinta-feira (11), também devem nas investigações.

"Ainda estamos trabalhando com todas as hipóteses. O dono da casa que possui câmeras estava viajando, agora que ele chegou, vai nos fornecer as imagens. Os laudos ainda irão demorar alguns dias até ficarem prontos. Durante as investigações, nós encontramos muito material pornográfico na casa da vítima, além do idoso estar sem roupas as calças. Não descartamos nenhuma possibilidade, e se ele morreu durante uma fantasia sexual, queremos saber quem estava com ele que não chamou a polícia", enfatizou o delegado.

Segundo o irmão da vítima, o militar do exército aposentado José Eulalio Sales Moreno, a família ainda está no aguardo das informações policiais. "Estamos na espera. O corpo está passando por vários exames e algumas pessoas chegaram a me falar que viram uma mulher de meia idade saindo da casa às pressas no dia da morte do meu irmão, mas isso são apenas suposições", disse. 

Caso

Luiz foi encontrado morto na manhã desta terça-feira (9). O corpo estava em cima da cama e com mãos e pés amarrados e foi localizado pela mãe e pela irmã da vítima.

As duas mulheres tinham visitado Luiz no domingo (7), mas como a casa estava fechada, deixaram comida para ele em um cantinho combinado. Elas então retornaram nesta terça-feira (9), porém os alimentos permaneciam no mesmo lugar. Desconfiadas, as mulheres forçaram uma janela para entrar e encontraram o corpo de Luiz na cama.

 

Os familiares acreditam que José teve um ataque cardíaco, possivelmente durante a realização de um fetiche sexual, e a pessoa desapareceu. No entanto, a vítima havia recebido o salário na semana anterior, mas o dinheiro não estava na carteira.