Ivinhema - MS, domingo, 27 de maio de 2018

10º min
26º min



Publicado em: 25/01/2018 às 10h15

VÍDEO: Marun cita déficit bilionário e cobra fim de privilégios no INSS

Ministro gravou vídeo parabenizando aposentados


- Midiamax

Foto: divulgação

Ministro gravou vídeo parabenizando aposentados

O ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun (MDB), aproveitou as celebrações do Dia do Aposentando, comemorado ontem, quarta-feira (24), para reforçar o discurso pela necessidade de aprovação da reforma da previdência.

 

“Quero parabenizar os milhões de brasileiros beneficiários desse sistema, tem 95 anos, que precisa agora ser modernizado para que se torne mais justo e menos desigual, favorecendo de forma semelhante todos os brasileiros”, afirmou o ministro.

 

De acordo com Marun o déficit da previdência no país chegou a R$ 268 bilhões, o que, segundo ele, obriga o governo a propor a reforma no sistema, para garantir o pagamento da aposentadoria aos beneficiários.

 

“Já existem estados onde aposentadoria não é paga pontualmente. Minha mãe é aposentada e ela não está recebendo em dia sua aposentadoria”, revelou o deputado federal licenciado.

 

Principal articulador político do governo do presidente Michel Temer (MDB) junto ao Congresso Nacional, Marun frisou ainda que cerca de 65% dos brasileiros se aposentam com um salário mínimo, equivalente hoje a R$ 954.

 

“Ainda temos absurdos. Temos gente que se aposenta com R$ 45 mi, R$ 50 mil. Precisamos de uma previdência mais justa e com menos privilégios”, finalizou o ministro.

 

Clique aqui para ver o vídeo