Ivinhema - MS, terça-feira, 19 de junho de 2018

10º min
26º min



Publicado em: 12/03/2018 às 10h35

Depois de troca de tiros com a polícia morre segundo integrante de quadrilha na fronteira

Dois foram presos


Midiamax

Foto: Divulgação

Morreu na madrugada desta segunda-feira (12), em Ponta Porã, Roney Marques de Souza de 23 anos. Ele trocou tiros com a polícia em uma ação ocorrida na última sexta-feira (9).

 

Durante a ação dos policiais foram apreendidos um fuzil AK 47 e uma pistola 9mm. Roney foi ferido em uma troca de tiros, sendo socorrido e levado para o hospital da cidade, onde não resistiu aos ferimentos e morreu durante a madruga desta segunda.

 

Morreram na ação Kleber conhecido como ‘Klebinho do Presidente Prudente’. Ele foi morto quando chegou na delegacia e teria tomado a arma de um policial e na troca de tiros acabou morrendo, segundo o site Porã News.

 

Vinícius Miranda Borges de 24 anos, e Delton da Silva Santino de 54 anos estão presos em loca não informado pela polícia.

 

As ações contra o crime organizado na fronteira se intensificaram após a morte do policial Wescley Vasconcelos no dia 6 de março.

A execução

Wescley estava em um carro Fiat Siena da Polícia Civil, junto com uma estagiária da delegacia, momento em que ambos foram abordados por dois homens que estavam em um veículo Honda Civic. Wescley estava próximo de casa, na Rua Campo Grande esquina com a rua Tuiuti na Vila Reno.

 

O Honda Civic ficou ao lado do carro do policial, momento em que os autores desceram e executaram o policial com tiros de fuzil AK 47 e 7.62. Segundo o Sinpol, a jovem também ficou ferida mas não corre risco de morte.

 

Moradores próximos disseram ao site Ponta Porã Informa que, após os disparos, os autores entraram no veículo e fugiram em direção ao bairro Residencial. A Perícia junto dos delegados fizeram os primeiros levantamentos no local.