Ivinhema - MS, segunda-feira, 18 de junho de 2018

10º min
26º min



Publicado em: 08/04/2018 às 18h23

Operário vence por 1 a 0 e põe fim a jejum de 20 anos sem título


Campo Grande News

Foto: Saul Schramm

Jogadores do Galo comemoram o título no Morenão

O Operário é o campeão sul-mato-grossense futebol. O Galo derrotou o Corumbaense por 1 a 0 no estádio Morenão, em Campo Grande, e encerrou um jejum de 20 anos sem título estadual.

 

O gol do título foi marcado aos 26 minutos do segundo tempo. O zagueiro André Paulino aproveitou espaço na defesa do Carijó e chutou de fora da área no canto do goleiro para delírio do bom público que comparece no estádio.

 

De acordo com a Polícia Militar, a partida contou com 9.453 pessoas no Morenão. A emoção tomou conta dos jogadores ao fim do jogo. O time campo-grandense começou a partida com Pereira; Da Silva, Rodrigo Arroz, André Paulino e Allison Gaúcho; Daniel Lucini, Alan, Fernandinho, Rodrigo Gral e Firmino; Igor Vilela.

 

Já o Corumbaense iniciou a final com Guilherme; Robinho, Jaime, Augusto e Valdinei; Igor Pimentel, Agnaldo, Arroz, Guilherme e Jorginho; Willian.

 

Depois da festa com a torcida, o atacante Rodrigo Gral ergueu a taça de campeão, para delírio torcedores campo-grandenses.

 

O técnico Celso Rodrigues comparou a pressão que o clube vivia para ser campeão. "A situação de felicidade, esse grupo que montamos, e tenho participação, conversamos que precisávamos fazer a travessia. Mas essa travessia seria muito difícil porque também tinham os adversários. O grupo entendeu e fizemos a travessia juntos. E para a gente completar chegamos na terra firme e com muito respeito e humildade fizemos nosso melhor", disse o treinador. 

 

O zagueiro Rodrigo Arroz celebrou a campanha do clube dentro de campo. "O que a gente viveu é um momento único na história do clube. Merecíamos muito, com todo respeito. O Corumbaense é uma grande equipe, valorizou muito nosso título", destacou.