Ivinhema - MS, sábado, 21 de julho de 2018

10º min
26º min



Publicado em: 11/07/2018 às 13h07

Mudança: Homem supostamente baleado teria sido afogado, aponta laudo

Corpo com supostas perfurações no tórax foi encontrado por pescadores


Topmidia News

Foto: Rádio Caçula

O laudo cadavérico do corpo de um homem encontrado no rio Sucuriú, em estado de decomposição, em 29 de abril, apontou que a causa da morte foi por afogamento. Na ocasião, a polícia chegou a divulgar que havia perfurações no tórax da vítima. Apesar do resultado, não foi possível a identificação, porque o cadáver estava mutilado.

 

Conforme a reportagem, o resultado do exame foi enviado no final de junho, para a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas. Os peritos informaram que o corpo não possuía digitais, tampouco os dedos dos pés, “possivelmente devorado por peixes”.

 

A polícia não enviou notificações a outras delegacias que investigam desaparecimentos. Entretanto, o delegado Edson Ubeda investiga se o caso tem associação com o de um homem desaparecido na cidade de Inocência, no mesmo período.

 

Vídeo

Um vídeo cedido por pescadores revelaram o momento em que o corpo é encontrado boiando às margens do rio Sucuriú, em Três Lagoas. As imagens foram capturadas por um aparelho de celular e têm 6 minutos de duração.

 

No vídeo é possível ver o corpo, que está em estado de decomposição, ser arrastado pela correnteza.

 

De acordo com a ocorrência policial, o corpo apresenta duas perfurações no peito. A constatação foi feita por um perito da Polícia Civil, além de bombeiros.