PUBLICIDADE

‘Nunca mais haverá corrupção no futebol’, diz presidente da Fifa

Dirigente assinou acordo anticorrupção com a ONU e prometeu transparência

| JOVEM PAN


Foto: Kin Saito/ CBF
PUBLICIDADE

Presidente da Fifa, Gianni Infantino afirmou nesta segunda-feira que a organização “nunca mais” protagonizará casos de corrupção. A entidade máxima do futebol mundial assinou um acordo com a ONU para prevenir a criminalidade juvenil por meio do esporte.

 

“Deixamos de ser uma organização que se serviu e por meio da qual centenas de milhões (em dinheiro) evaporaram para nos tornarmos uma organização na qual cada euro, dólar ou franco suíço é justificado”, disse.

 

Investigado na Suíça por reuniões suspeitas com o ex-procurador-geral do país relacionadas às investigações de um esquema de corrupção na Fifa, Infantino reconheceu que sua organização, e o futebol em geral, foram afetados por casos de má conduta no passado.



LEIA MAIS

Geral
Lionel Messi iguala Cristiano Ronaldo e se torna segundo bilionário do futebol, diz Forbes
Craque argentino é o atleta mais bem pago do mundo em 2020 e tem faturamento superior a um bilhão de dólares (cerca de R$ 5 bilhões) ao longo da carreira; Veja lista
Geral
Bottas lidera novo treino livre na Toscana, mas vê Verstappen e Hamilton na cola
Geral
‘Palavras de Messi devem ser levadas em consideração’, diz Barça uma semana após ‘fico’
“Esperamos e desejamos que haja respeito e aliança para que o clube funcione”, afirmou Pau Vilanova, vice-presidente institucional do Barcelona
Geral
Contrato assinado: SBT vai transmitir a Libertadores, afirma colunista
Geral
Ministra japonesa diz que Olimpíada deverá acontecer ‘a qualquer custo’ em 2021
O governo japonês designou um grupo para formular medidas de contenção à pandemia nos Jogos de Tóquio
Geral
Itália lança uniforme inspirado em padrão gráfico do Renascimento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE