PUBLICIDADE

‘Sei que você é viado’, motorista de aplicativo ameaça com machadinha

Motorista ainda mandou mensagens afirmando que estava colocando bala no revólver para matar o rapaz.

| MIDIAMAX


Imagem ilustrativa
PUBLICIDADE

Um rapaz de 18 anos procurou a 3º Delegacia de Polícia Civil para registrar uma ocorrência contra um motorista de aplicativo que teria feito ameaças durante o pedido de uma corrida, no Jardim Noroeste em Campo Grande.

 

A vítima disse na delegacia que havia solicitado o pedido de corrida por volta das 23 horas desta quarta-feira (16) quando percebeu pelo aplicativo que o motorista depois de aceitar acabou cancelando a corrida. Passados 20 minutos, o motorista voltou a aceitar o pedido, mas teria permanecido parado por cerca de 20 minutos.

 

Ainda segundo a vítima, ela teria perguntado se o motorista iria ou não fazer a corrida, quando através de mensagens teria respondido que estava colocando balas no revólver, “sei que você é viado, estou a caminho”. Após mais de 15 minutos, o autor chegou em frente à casa ‘cantando pneus’.

 

Ele desceu do carro e perguntou pelo nome de quem havia solicitado a corrida e quando o rapaz se identificou, o homem voltou ao carro e pegou uma machadinha indo em direção a vítima que correu para o interior da residência, junto de suas amigas. Antes de ir embora, o motorista disse que voltaria para ‘meter bala em todo mundo’.



LEIA MAIS

Capital
Tucano é resgatado sem conseguir voar após brigar e cair em quintal de casa no MS
Ave apresentava lesão nas asas e foi levada para tratamento médico
Capital
Comércio ilegal vendia 130 litros de combustível em garrafas pet na fronteira
Comércio ilegal vendia 130 litros de combustível em garrafas pet na fronteira
Capital
Polícia Civil apreende cocaína e prensas usadas para remodelar tabletes
Capital
Após trocar nudes, homem é acusado de ‘pedofilia’ e passa a ser extorquido
Advogado disse que vítima enviou fotos para menina menor de idade
Capital
Sem dar notícias desde domingo, homem é encontrado morto na cama
Polícia Civil foi acionada e investiga circunstâncias do óbito
Capital
Idoso paga conta de R$6 mil após falso mecânico se oferecer para conserto de carro
Ele não conferiu o valor da suposta compra na máquina de cartão
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE