PUBLICIDADE

Homem é preso por ameaçar cabeleireiro de morte por corte que não deu certo

| MIDIAMAX


Foto: Ilustrativa
PUBLICIDADE

Um homem de 38 anos foi preso por ameaçar um cabeleireiro de morte devido a um suposto corte de cabelo que não teria dado certo em um salão de beleza localizado no Bairro Carandá Bosque em Campo Grande, nesta sexta-feira (10).

 

De acordo com o cabeleireiro de 30 anos, dois homens em uma moto, o aguardavam em atitude ameaçadora do lado de fora do salão. A vítima conta que ele havia sido ameaçado de morte pelo homem de 38 anos, horas antes.

 

O autor preso, segundo consta  no boletim de ocorrência, queria a devolução do valor de R$ 50 referente a um corte de cabelo e tratamento de uma mulher, conhecida do autor. Após grave ameaça, a dona do salão deu os R$ 50 para que a dupla fosse embora.

 

Porém, o homem de 38 anos retornou sozinho ao local e foi preso por equipe da Polícia Militar que foi acionada. O caso foi registrado como Extorsão, se o crime é cometido por duas ou mais pessoas, ou com emprego de arma, na Depac Centro.



LEIA MAIS

Capital
MS recebe lote com 4 mil doses de Coronavac para aplicação da 2ª dose
Sesau pediu novas doses para completar vacinação em pessoas com a D2 atrasada
Capital
Depósito de material de reciclagem pega fogo e bombeiros são mobilizados
Fogo teria começado com uma bituca de cigarros jogada no local
POLICIAL
Guarda Municipal é recebida a pedradas após denúncia de aglomeração com 100 pessoas em MS
Foram usadas balas de borracha e gás lacrimogênio para a dispersão
Capital
De R$ 15 para R$ 40: alta no preço faz furtos de cobre 'explodirem' na capital
De tampas de bueiros a pé de estatua, moradores relatam o constante furto desse tipo de material
Capital
Menino de 5 anos escapa sem ferimentos graves após ser atropelado por carro em MS
Capital
Não perca a viagem: Saiba o que abre e fecha neste feriado de Tiradentes em Campo Grande
Comércio e supermercados abrem as portas nesta quarta-feira
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE