PUBLICIDADE

Homem é multado por desmatar área protegida em assentamento

| DOURADOS NEWS


Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Policiais militares ambientais de Jardim realizavam fiscalização no município de Nioaque, no Assentamento Colônia Conceição e localizaram ontem (22), a degradação ambiental de matas ciliares de um córrego em uma propriedade rural.

 

O pecuarista, proprietário de um lote consolidado, desmatou 1 hectare, medido com GPS, das matas ciliares (área protegida) da margem do córrego Espiníndio, que corta a propriedade, sem autorização ambiental.

 

O produtor rural (45) afirmou que derrubara a vegetação para aumentar a área de pastagem. Havia árvores que foram derrubadas, inclusive, para dentro do leito do córrego (imagem de drone anexa).  As atividades foram interditadas e o infrator foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

 

O pecuarista, residente em Nioaque, também foi autuado administrativamente por degradação de Área de Preservação e foi multado em R$ 5 mil. Ele responderá por crime ambiental com pena de um a três anos de detenção.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE