PUBLICIDADE

Em novo decreto, papa autoriza mais funções para mulheres na Igreja

Mudanças são incluídas no Código de Direito Canônico

| JORNAL DA NOVA


O papa Francisco / Imagens: Vaticano/Divulgação
PUBLICIDADE

O papa Francisco, em mais um passo para ampliar as funções das mulheres na Igreja Católica Romana, alterou regras nesta segunda-feira (11) para permitir formalmente que elas atuem como leitoras em liturgias, distribuidoras de comunhão e prestem serviços no altar.

 

Em decreto, o papa formalizou o que já vinha acontecendo em muitos países desenvolvidos há anos. Mas, ao introduzir a mudança no Código de Direito Canônico, será impossível para os bispos conservadores impedir que as mulheres em suas dioceses tenham essas funções.

 

O Vaticano enfatizou, no entanto, que essas funções são "essencialmente distintas do sacerdócio ordenado", o que significa que não devem ser vistas como um precursor automático para que mulheres possam um dia serem ordenadas no sacerdócio.

 

"O pontífice, portanto, estabeleceu que as mulheres podem ter acesso a essas práticas e que podem ter funções litúrgicas institucionais", disse o Vaticano em nota explicativa.

 

No decreto, denominado Spiritus Domini, Francisco disse que tomou a decisão após reflexão teológica.

 

Ele afirmou que muitos bispos de todo o mundo disseram que a mudança era necessária para responder às "necessidades dos tempos".



LEIA MAIS

Geral
Google encerra projeto de balões satélites que caíram no MS
Dois balões satélites caíram em fazendas do interior de MS em janeiro deste ano
Geral
Caminhoneiro é preso ao sair de MS com 2,5 ton de maconha e rebites
Ele levava 8 comprimidos de nobésio na cabine
Geral
Na frente da PM, motociclista na contramão faz manobras e acaba na delegacia
Com dois meses de habilitação acabou perdendo o documento devido as infrações
Geral
Ao descobrir traição, idosa é ameaçada de morte pelo marido e a amante
Com medo de ameaças, idosa registrou boletim de ocorrência e pediu medidas protetivas
Geral
Jovem é raptado, espancado e abandonado inconsciente
Vítima foi encontrada mais de 15 horas após ser raptada
Geral
Homem furtava bisavó de 83 anos e trocava objetos em boca de fumo
Indivíduo foi preso em ação da Polícia Militar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE