Polícia prende pastor acusado de tentar violentar jovem de 13 anos


PUBLICIDADE


A Polícia do Pará prendeu um pastor acusado de tentar violentar uma jovem de 13 anos na cidade de Itaitúba, na região sudoeste do Pará na sexta-feira (25). De acordo com informações da Polícia Civil, no dia seguinte (26) ele foi transferido para o Centro de Recuperação Regional de Itaitúba, onde seguia até este domingo (27).

O pastor, que, em depoimento, negou as acusações, foi preso em flagrante num motel com a adolescente, próximo ao centro da cidade. Representantes do Ministério Publico, do Conselho Tutelar e da Comissão de Infância e Juventude estavam realizando uma blitz de rotina no motel quando o viram chegando. Ela disse à polícia que não imaginava que seria levada ao motel. Após o flagrante, a equipe do MP também prendeu um uma mulher suspeita de aliciar a menor.

"Esse cidadão e a própria vítima admitiram que estavam em um grupo de meninas de 12 13 anos na orla da cidade, quando ele chegou de morto, conversou com a aliciadora e ela perguntou a ele qual menina, se ele queria uma menina, e fez a intermediação", disse o promotor Maurin Virgulino.

A mulher citada nega as acusações. “Eu falei para ela voltar, mas ela não deu nem tenção", disse. O pastor deverá responder por tentativa de estupro de vulnerável.

"Meu amigo, quem julga a minha causa é Deus, você não é nada", disse o acusado.

 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE