PUBLICIDADE

Moto bate em traseira de carro e passageira morre em viaduto

Passageira morreu no local do acidente

| MIDIAMAX


Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Uma mulher identificada como Jerônima Freitas Morais de 58 anos morreu em um acidente no viatudo sobre a BR-262, no macroanel, região do Maria Aparecida Pedrossian em Campo Grande, na noite desta sexta-feira (16).

 

Jerônima transitava na garupa de uma moto pilotada por um homem que foi levado para a Santa Casa em estado grave. A moto, uma Honda Fan em que estavam, colidiu contra a traseira de um Honda City. 

 

O casal de moto e o veículo seguiam no mesmo sentido norte -sul. A condutora do veículo, de 43 anos, disse que seguia na via, quando, no início do viaduto, uma carreta já realizava conversão da alça para entrar no viaduto e seguir no mesmo sentido, à frente do Honda City. 

 

A motorista conta que reduziu a velocidade, momento em que a motocicleta bateu na traseira do carro. 'Reduzi, só escutei a pancada', diz a motorista que seguia com o marido e a filha no veículo. A família havia acabado de fazer compras em um supermercado e retornava para casa.

 

Corpo de Bombeiros e equipe de atendimento foram acionados, porém Jerônima morreu no local. A PRF (Polícia Rodoviária Federal) também foi acionada. O trânsito ficou parcialmente interrompido no local. O caso será registrado na Cepol Depac.



LEIA MAIS

MS
Motociclista morre ao ser arrastado e motorista foge sem prestar socorro em MS
Polícia de Trânsito e Corpo de Bombeiros estão no local
POLICIAL
Ação Conjunta da PC de Ivinhema, Ponta Porã, Rio de Janeiro e PRF libera cinco motoristas que eram feitos reféns e localiza cinco caminhões que haviam sido roubados
MS
Criança de 1 ano é encontrada morta por agente de saúde em MS
MS
Ao parar veiculo em acostamento, advogado é assaltado por dupla armada em MS
Advogado teve de caminhar por 20 minutos para chegara cidade mais próxima e pedir ajuda
MS
Dono de barbearia usada para o tráfico e mais quatro são presos em MS
Porções de maconha e cocaína prontas para serem comercializadas foram apreendidas no local
MS
Jovem não paga corrida e motorista de aplicativo leva mulher para delegacia
O valor da corrida ficou em R$ 26 que foi pago pela mãe da garota na delegacia
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE