PUBLICIDADE

Campo Grande registra 107% de superlotação das UTIs Covid-19 nesta segunda-feira

São 24 pessoas atendidas além da capacidade

| MIDIAMAX


Foto: Reprodução.
PUBLICIDADE

Na tarde desta segunda-feira (19), Campo Grande registrou 107,06% de superlotação nas UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) Covid-19. Então, com ocupação máxima de pacientes, 24 pessoas são atendidas além da capacidade da Capital. 

 

Então, são 340 leitos de UTI registrados em Campo Grande. Porém, são 364 pacientes sendo atendidos com quadro grave da Covid-19.

Os dados são apontados pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), por meio do Painel Mais Saúde. As informações desta matéria são referentes a atualização das 15h. 

 

Além das UTIs, Campo Grande também possui leitos clínicos para atender pacientes Covid-19, que estão com 83,06% de lotação. São 484 leitos existentes e 402 estão ocupados. Ou seja, ainda restam 82 vagas disponíveis para novas internações. 

 

Apesar das vagas livres, os leitos clínicos de Campo Grande também passam por cenário crítico. De acordo com a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), a partir de 80% de lotação, a situação das instalações é preocupante.



LEIA MAIS

POLICIAL
Motorista perde controle bate em poste e casal fica preso nas ferragens em MS
Foi necessário o uso de desencarcerador para a retirada das vítimas
POLICIAL
Idosa grita por socorro e vizinhos perseguem bandido que acaba preso em CMS
Tinha pulado o muro da casa para cometer o furto
Capital
Caminhão derruba fiação e deixa moradores sem energia elétrica em MS
Fio de energia estaria encostando no chão e concessionária afirmou que priorizaria atendimento
Capital
Três são detidos por realizarem festa com 200 pessoas na Capital
Testemunhas denunciaram o estabelecimento
POLICIAL
Caminhoneiro encontra corpo com marcas de tiro jogado em córrego em MS
Caminhoneiro contou que veículo estragou em frente ao local após falha mecânica
Capital
MS recebe lote com 4 mil doses de Coronavac para aplicação da 2ª dose
Sesau pediu novas doses para completar vacinação em pessoas com a D2 atrasada
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE