Mulher de Batayporã é encontrada morta em lagoa de Campo Grande


PUBLICIDADE

NOVA NEWS COM INF. CAMPO GRANDE NEWS

Regiane Sinara Lucas da Silva, de 35 anos, foi encontrada morta na manhã desta sexta-feira em uma lagoa na Avenida Tamandaré, próximo a UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), em Campo Grande.

Regiane morou em Batayporã por muito tempo, onde até hoje residem seus familiares. Ela morava em Campo Grande a mais de dois anos.

De acordo com o jornal online Campo Grande News, as informações ainda são desencontradas. Quando acionou o Corpo de Bombeiros, uma mulher que havia se identificado como vítima, afirmou que havia brigado com o marido antes de cair na lagoa.

No entanto, João Paulo Lucas da Silva, que se identificou como primo de Regiane, contou que a vítima estava tomando banho na lagoa junto com uma outra mulher, identificada como Elza.

De acordo com Silva, a partir do que Elza teria falado, as duas haviam convidado um homem que passava de moto pelo local para tomar banho com elas. Logo depois, Regiane teria sido afogada.

Em Batayporã, a reportagem do Nova News apurou que a vítima estaria com alguns hematomas no rosto quando foi encontrada.

O corpo está sendo velado na cidade onde residem seus familiares e será sepultado na tarde deste sábado.

A morte será apurada pelo 2º Distrito Policial da capital.

 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE