Polícia Civil de Bataguassu fecha bocas de fumo e prende acusados


PUBLICIDADE

NOVA NEWS COM INF. CéLIO FERREIRA

Em três dias de operação a Polícia Civil de Bataguassu prendeu três homens acusados de tráfico de drogas e apreendeu R$ 1 mil proveniente da venda da droga.
A operação de combate ao crack foi desencadeada no sábado à noite. Nesse dia, policiais civis identificaram um ponto de venda da droga no Jardim Santa Luzia onde um homem identificado como L.X.O., comercializava o entorpecente.
Com o acusado, os policiais apreenderam a quantia de R$ 994 que ele admitiu ter obtido com o lucro da venda de pedras de crack, afirmando que já havia vendido toda a droga quando os policiais chegaram.
No domingo à noite, outro homem, identificado como F.A.P., conhecido como “Didi”, proprietário de um bar localizado na Avevida Campo Grande, centro da cidade, foi preso por policiais da Delegacia de Polícia de Bataguassu após vender um papelote de crack para um usuário. Após deter o usuário, os policiais estiveram no bar e localizaram o invólucro onde a droga estava acondicionada contendo resquícios, um papelote de crack, além das tiras plásticas utilizadas para embalar a droga.
Na terça-feira por volta das 16h, mais uma investida policial terminou com a prisão de dois jovens, sendo um de 18 anos identificado com Y.C. e outro de 20 anos identificado como F.D.D.S.P.
Todos os envolvidos responderão a processo por tráfico de drogas e se condenados poderão cumprir pena de 05 a 15 anos de reclusão.
 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE