Eleitor de MS que deixou de votar tem até quinta-feira para regularizar o título


PUBLICIDADE

MIDIA MAX

 

O eleitor de Mato Grosso do Sul, que não votou nem justificou sua ausência nas três últimas eleições, tem até o dia 14 de abril para regularizar sua situação com a Justiça Eleitoral. Caso o eleitor não busque a regularização no prazo determinado, o título poderá ser cancelado.

 

Para justificar ausência deve-se comparecer a qualquer cartório eleitoral do país, com um documento oficial que comprove sua identidade, o título eleitoral e os comprovantes de eventuais votações, de justificativas, de pagamento ou de dispensa e recolhimento de multa.

 

Aquele que tiver o título cancelado fica impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, além de dificultar a investidura ou nomeação em concurso público e na obtenção da certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado. No estado, 23.187 eleitores podem ter o título cancelado.

 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE