Scheidt assume a terceira posição, e Martine e Kahena estreiam

Atuais campeãs olímpicas na classe 49erFX também estão na terceira posição geral


PUBLICIDADE

COB.ORG

Julio Cesar Guimarães/COB
PUBLICIDADE

A vela brasileira teve um bom dia de regatas nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020. Nesta terça-feira, no Japão, o bicampeão olímpico Robert Scheidt subiu para a terceira posição na classificação geral da classe Laser. Na 49erFX, as atuais campeãs olímpicas, Martine Grael e Kahena Kunze, estrearam nesta edição do evento esportivo e também fecharam o dia na terceira colocação.


A classe Laser teve três regatas. Scheidt chegou em terceiro, 17º (este resultado passou a ser o descarte do velejador) e quinto. O brasileiro soma 33 pontos perdidos contra 18 do líder, do cipriota Pavlos Kontides. Nesta quarta-feira, Scheidt ganhará um descanso, já que não estão programadas regatas na sua classe.

 

Martine e Kahena entraram na água da Baía de Enoshima para o início da disputa da 49erFX. Elas não começaram bem e ficaram em 15º na primeira regata. Mas este resultado passou a ser descartado após as duas regatas seguintes. Elas chegaram em quinto na segunda disputa e venceram a terceira. A dupla soma seis pontos perdidos contra 2 das líderes, as britânicas Charlotte Dobson e Saskia Tidey.

 

Quem também velejou pela primeira vez nos Jogos foi Jorge Zarif, da classe Finn. O brasileiro chegou em 7º e 15º em duas regatas e fechou o dia na 13ª colocação, com 22 pontos perdidos. A liderança é do turco Alican Kaynar, que venceu as duas regatas e soma 2 pontos perdidos.

 

Com apenas uma das três regatas programadas para o dia, a classe 49er também deu seu pontapé inicial na competição olímpica. Os brasileiros Marco Grael e Gabriel Borges chegaram em oitavo.

 

A disputa da vela prossegue nesta quarta-feira, dia 28. Para o Brasil, estão programadas as estreias de Fernanda Oliveira e Ana Barbachan, na classe 470 feminina; Henrique Haddad e Bruno Bethlem, na 470 masculina; e Samuel Albretch e Gabriela Nicolino, na Nacra 17. Também vão entrar na água Marco Grael e Gabriel Borges, na 49er; Jorge Zarif, na Finn; Martine e Kahena, na 49erFX; e Patricia Freitas, na RS:X feminina.




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE