Após matar mulher a marteladas, homem é preso na fronteira

César Susano estava foragido desde o dia do crime quando aplicou vários golpes de martelo contra a mulher


PUBLICIDADE

TOPMIDIANEWS

FOTO: Divulgação/TopMidiaNews
PUBLICIDADE

Um homem, de 38 anos, acusado de matar a própria mulher a marteladas foi preso nesta sexta-feira (24) pela Polícia Nacional do Paraguai, em Capitan Bado, cidade fronteiriça com Mato Grosso do Sul.

 

Ele era acusado de ter matado a esposa, em 2018 e havia um mandado de prisão aberto contra ele.

 

Segundo detalhes do Ponta Porã News, César foi preso em um abordagem policial no bairro Piray, em frente a uma das delegacias da cidade que faz fronteira com Coronel Sapucaia.

 

A polícia investigou que no dia do crime a mulher foi morta com vários golpes de martelo no interior de sua casa.

 

O autor estava foragido desde o dia do crime e será ouvido pelo Ministério Público do Paragui nos próximos dias. Ele foi levado para uma penitenciária.




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE