IVINHEMA: Procon notifica farmácia por elevação do preço do produto sem justa causa


PUBLICIDADE

ASSESSORIA

O Procon Municipal de Ivinhema recebeu uma denúncia de uma consumidora relacionada ao aumento do preço do produto sem justa causa. Segundo a consumidora, o preço médio do produto encontrado nas farmácias da cidade estaria variando entre R$ 5,99 e R$ 8,78, e o que estaria ocorrendo é que na falta do produto nas farmácias locais, a empresa denunciada se beneficiaria do fato comercializando o produto no valor de R$ 12,00. A consumidora efetuou a compra e demonstrou o fato com a apresentação do cupom fiscal.

 

Após tomar conhecimento, o órgão de proteção ao consumidor notificou a empresa para que apresentasse no prazo de 10 dias, a nota fiscal de compra do produto. Com a apresentação da nota fiscal, o Procon pôde identificar a ocorrência da prática proibida pelo Código de Defesa do Consumidor, conforme artigo 39, inciso X.

 

Diante disso, a farmácia denunciada reduziu o preço do produto para o valor de R$ 7,99.

 

Caso o consumidor tenha qualquer problema na relação de consumo, é importante que procure o órgão de defesa do consumidor para registrar sua reclamação ou denúncia.

 

O atendimento pode ser presencial, de segunda a sexta-feira, das 07h00min as 13h00min, no endereço: Avenida Panamá, n. 389, Fundos, Antiga Câmara Municipal, ou através do e-mail: [email protected]




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE