Quadrilha especializada em furto de equipamentos agrícolas de alto valor em MS é presa


PUBLICIDADE

DOURADOSNEWS / DA REDAçãO

Os conduzidos foram autuados em flagrante pelos crimes de furto qualificado e associação criminosa, estando custodiados à disposição do Poder Judiciário para realização de audiência de custódia - Crédito: Divulgação- Polícia Civil MS
PUBLICIDADE

A polícia desarticulou uma quadrilha especializada em furto de objetos de alto valor voltados para área agrícola. Conforme a Polícia Civil, na quarta-feira (07), duas fazendas localizadas em São Gabriel do Oeste foram alvo de criminosos que furtaram quatro conjuntos de GPS agrícolas e monitores, avaliados em cerca de R$ 400.000,00. Na noite seguinte outra propriedade rural, já no município de Itiquira/MT, foi escolhida, sendo levados treze antenas, dez monitores e dez módulos, causando um prejuízo aproximado de R$ 1.250.000,00.

Diante dos casos, equipes policiais iniciaram as diligências em um trabalho conjunto entre Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Especializada de Combate a Crimes Rurais e Abigeato (Deleagro) e Delegacia de São Gabriel do Oeste, com importante apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), os autores dos furtos foram localizados e abordados em Anhanduí, quando tentavam empreender fuga para o estado do Paraná ou para o Paraguai, uma vez que eles também possuem documentos pessoais daquele país e a camionete usada por eles é emplacada no país vizinho. Depois da prisão foram localizados em área de mata de São Gabriel do Oeste todos os equipamentos subtraídos nas duas fazendas daquele município.

Comprovado que os mesmos autuados foram responsáveis pelo furto em Itiquira/MT, as informações foram compartilhadas com a polícia judiciária daquele município que, no início da tarde da sexta-feira (09), localizou e apreendeu todos os equipamentos lá subtraídos.

Os conduzidos foram autuados em flagrante pelos crimes de furto qualificado e associação criminosa, estando custodiados à disposição do Poder Judiciário para realização de audiência de custódia.


Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE