Reservas do Inter vencem Goiás de virada


PUBLICIDADE

TERRA

Derrotados na primeira rodada do Campeonato Brasileiro, Goiás e Inter foram a campo neste domingo, no Estádio Serra Dourada, tentando conseguir seus primeiros pontos no torneio. Porém, enquanto o Inter poupou quase toda a equipe, visando o duelo decisivo contra o Estudiantes pela Libertadores, o Goiás modificou algumas peças em relação ao time que foi à campo na estreia, na derrota diante do Guarani. Mesmo com um time mais desentrosado, o Inter aproveitou o "apagão" do Goiás na segunda etapa e conseguiu ótima virada por 3 a 2, logo após terminar o primeiro tempo perdendo por 2 a 0.

"Desfigurado", o Inter entrou praticamente com o time reserva (apenas Walter começou entre os titulares). Já o técnico Leão, do Goiás, modificou o esquema tático da equipe, levando a campo o 3-5-2, além de promover a estreia do recém contratado goleiro Fabio. Com um ataque mais leve e veloz, composto por Rafael Moura e Daneil Lovinho, auxiliados por Everton Santos, o Goiás era mais presente no ataque e começou a criar oportunidades concretas de gol após os 20min de partida, com Wellington Saci.

Melhor em campo, a equipe da casa conseguiu logo tomar a frente do placar com Éverton Santos, que pegou sobra de bola na entrada da área e soltou um foguete no ângulo esquerdo do goleiro Lauro, aos 31min. Dez minutos depois, Wendel Santos aproveitou bobeira da zaga colorada e chutou duas vezes para marcar 2 a 0. No intervalo, o técnico Jorge Fossati reclamou de uma suposta falta do ala sobre o zagueiro do time gaúcho na jogada. A veemência do técnico foi punida com a expulsão pelo árbitro, na volta para a segunda etapa.

Com o jogo começando morno no segundo tempo, coube a um lance duvidoso recolocar o Inter novamente na partida, quando em disputa de bola durante escanteio, o juiz marcou pênalti de Wendel Santos sobre Taison. Walter cobrou com força e no alto, vencendo o goleiro Fábio e diminuindo a contagem para 2 a 1, aos 13min.

O gol empolgou o Inter que começou a acreditar no empate, chegando mais à frente. E o inspirado Walter entrou novamente em cena. O atacante deixou Wellington Saci para trás e soltou a bomba de fora da área, no ângulo de Fábio, igualando o marcador, aos 29min. E o camisa nove também abriu caminho para a virada, ao invadir á área do time da casa e ser derrubado por Fábio. Na cobrança, Giuliano teve que cobrar duas vezes para confirmar o Inter na frente do placar, aos 37min.

O resultado dá os primeiros três pontos do Inter na competição, que tentará manter a boa forma no Brasileiro na partida contra o São Paulo, no Estádio do Morumbi. Já o Goiás, um dos lanternas do torneio, tentará pontua pela primeira vez no Campeonato brasileiro diante do Botafogo, no Estádio do Engenhão.


Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE