Ataque em escola primária mata 20 nos EUA; atirador morreu


PUBLICIDADE

UOL NOTíCIAS

A polícia de Newtown, no Estado americano de Connecticut, informou nesta sexta-feira (14) que o atirador que disparou contra crianças em uma escola primária da cidade morreu no local. O número de feridos e mortos ainda é incerto. Segundo a "CNN", 20 pessoas teriam sido mortas, incluindo 10 crianças. Já a CBS fala em ao menos 27 mortos, 18 deles crianças.

Entre as vítimas adultas, segundo depoimentos de pais de estudantes à CNN, estariam a diretora e uma psicóloga da escola.

O atirador entrou na escola aparentemente com duas armas, que já foram recolhidas pelos policiais. Ainda não se sabe se o atirador foi morto por policiais ou se tirou a própria vida. Uma segunda pessoa suspeita de participar do tiroteio teria sido presa no local.

Um dos socorristas disse que uma professora ficou ferida e foi levada ao hospital Danbury. Não foram divulgadas informações sobre o seu estado de saúde.

Outros três feridos também foram levados para hospitais perto da escola em estado grave. Dois deles são crianças com ferimentos no rosto e nas mãos. A vice-diretora da escola foi atingida por tiros no pé e na perna. O número total de feridos e ainda não foi divulgado pela polícia.

Shannon Hicks/Newtown Bee/AP
Policiais do Estado de Connecticut levam crianças em fila após um atirador disparar

Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE