Garoto de 13 anos chegou a se esconder dentro do córrego para não ser estuprado novament


PUBLICIDADE

O menino de 13 anos que foi estuprado na tarde de segunda-feira (3) contou para a Polícia Civil que teve que se esconder dentro do Córrego Lageado, na região sul de Campo Grande, para se livrar dos estupradores. O caso foi registrado na Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) e os suspeitos não foram encontrados.


A vítima revelou que seguia de casa para a escola a pé, pois fica na mesma região, quando foi abordada por dois rapazes. A criança foi levada a força para uma área de mata próxima do córrego. Enquanto um dos suspeitos estuprava o estudante, o outro vigiava.


Na hora de fazer o revezamento, um barulho chamou a atenção deles. Os dois ficaram com medo do flagrante e a criança aproveitou e se escondeu dentro do córrego. Em seguida, eles fugiram do local.

O menino passou por exames de corpo de delito ainda no dia de ontem no Imol (Instituto de Medicina e de Odontologia Legal). Os laudos devem ficar prontos nas próximas semanas.


Os dois criminosos foram descrito como tendo entre 18 e 20 anos, aproximadamente. O que estuprou a criança era moreno, alto, cabelo encaracolado, tatuagem de palhaço na perna e uma cicatriz de corte no braço direito. Já o comparsa era branco, tinha o cabelo amarelado, quase alaranjado, estatura média e um alargador na orelha esquerda.



Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE