Delegacias do Cepol em Campo Grande estão sem água e banheiro, diz Sinpol


PUBLICIDADE

O presidente do Sinpol-MS (Sindicato da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul), entrou em contato com a reportagem informando que o prédio da Cepol (Centro Integrado de Polícia Especializada), está sem água há 15 dias. De acordo com Alexandre Barbosa da Silva, presidente do Sinpol, aparentemente há um vazamento na caixa d’água do prédio.


Aproximadamente 50 pessoas, vão ao local diariamente para serem atendidas nas cinco delegacias que lá existem. Barbosa conta que que foi à DGPC (Delegacia Geral da Polícia Civil), onde foi informado que o novo prédio que comportará o Cepol, na saída para três Lagoas, ficará pronta em seis meses.

Além da falta de água, que compromete o banheiro e os bebedouros, o ar condicionado central está estragado, há muitas goteiras e não tem hidrante e nem extintor. Tudo aqui são caixotes de compensados (delegacias), o teto é de isopor, se tiver um incêndio aqui destrói tudo”, diz.

A população que procura o Centro Integrado, tem de usar o banheiro do posto de gasolina que fica ao lado. “Já pedimos interdição junto ao MPT-MS (Ministério Público do Trabalho), chegamos a uma situaçãon inviável de trabalho”, disse.


Em 2010, o local chegou a ficar sem água encanada por mais de duas semanas. Em 2011, ocorreu um grande alagamento em que várias salas e aparelhos ficaram inutilizados. Em 2011, o preço do aluguel mensal foi fixado em R$ 12.030,00, em diário oficial, validado até o dia 31 de dezembro de 2012.


O prédio abriga a Deops (Delegacia Especializada de Ordem Política e Social) e a Polinter (Delegacia Especializada de Polinter e Capturas), a Dedfaz (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Defraudações, Falsificações Falimentares e Fazendários), Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude), a DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídio).


A reportagem entrou em contato com a assessoria da Polícia Civil, porém já tinha terminado mo expediente da assessoria de imprensa.



Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE