Morre na Santa Casa terceira vítima de incêndio no Jardim Columbia


PUBLICIDADE

Morreu na tarde desta terça-feira (5), Daniel Candia, de 38 anos, a terceira vítima do incêndio criminoso no Bairro Jardim Columbia, em Campo Grande. O incêndio aconteceu no dia 13 de outubro e provocou a morte de Lucinda Ferreira Torres, de 41 anos e Hélio Queiroz Neres, de 37 anos. A quarta vítima permanece internada na Santa Casa.


De acordo com a assessoria de imprensa do hospital, Daniel estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) desde o dia do incêndio e às 19 horas de terça-feira não resistiu aos ferimentos.


A quarta vítima, Edna Rodrigues de Souza, de 33 anos, teve queimaduras de 2º e 3º grau, mas apresentou uma melhora e permanece na enfermaria do hospital.


Incêndio

A primeira vítima, Lucinda, morreu asfixiada pela fumaça e teve várias queimaduras pelo corpo.

Vizinhos disseram que Edna e o marido, identificado apenas como Adriano, tiveram uma briga em via pública, antes do imóvel ser incendiado. A filha da vítima contou que Adriano teria passado pelo local e feito ameaças, dizendo que compraria gasolina e atearia fogo no local.


Lucinda não mora no imóvel, mas estava na casa em uma visita a Edna, que havia discutido com o marido. No imóvel, além do casal, moravam mais dois homens, entre eles, a vítima que morreu na Santa Casa.


O caso foi registrado como homicídio qualificado com emprego de asfixia ou fogo e lesão corporal dolosa, com intenção de machucar, pela Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.


Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE