Bahia respira com vitória e tira Grêmio da Libertadores


PUBLICIDADE

Se entrou na Arena Fonte Nova para enfrentar o Grêmio, neste domingo, praticamente rebaixado à Série B do Campeonato do Brasileiro, o Bahia saiu dela com as esperanças renovadas. Contando com atuação aquém do esperado dos comandados de Luiz Felipe Scolari e demonstrando muita vontade para superar as próprias limitações técnicas, o time tricolor triunfou por 1 a 0 e respirou na batalha contra o descenso à Série B.


Isto porque os resultados da 37ª rodada da competição nacional garantiram ao Bahia o melhor cenário possível na parte de baixo da tabela: Palmeiras e Vitória perderam, e ele, Bahia, venceu. 

Assim, apesar de ter permanecido na 18ª colocação do Brasileiro, subiu aos 37 pontos e agora está a apenas dois da saída da degola. A missão para escapar do rebaixamento, contudo, segue muito dura: no próximo fim de semana, o time comandado por Charles Fabian precisa vencer o Coritiba fora de casa e ainda torcer para derrota do Palmeiras e no mínimo um empate do Vitória.


Por sua vez, o Grêmio, além de ter tido atuação desastrosa na Arena Fonte Nova, deu adeus à qualquer chance de se classificar à próxima Copa Libertadores da América. Com a derrota deste domingo, despencou para a sétima posição e, com 60 pontos, não tem mais como alcançar o atual quarto colocado, Corinthians, que possui 66.


As vagas para o torneio continental de 2015, então, ficaram com Cruzeiro, São Paulo, Inter, Corinthians e Atlético-MG (por causa do título da Copa do Brasil). No próximo fim de semana, o Grêmio apenas cumprirá tabela diante do também desinteressado Flamengo, em Porto Alegre.


Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE