Polícia Civil de Nova Andradina deflagra operação contra o crime organizado


PUBLICIDADE

Após investigações desenvolvidas pela SIG (Seção de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia de Polícia de Nova Andradina, através do auto de investigação preliminar, foram identificados diversos integrantes da organização criminosa denominada PCC (Primeiro Comando da Capital) e simpatizantes, com atuação no Estado de Mato Grosso do Sul, em especial na cidade de Nova Andradina, atividades estas voltadas principalmente para o tráfico de drogas e crime contra o patrimônio.


Desde as 6h da manhã desta quinta-feira (4), 21 mandados de prisão preventiva estão sendo cumpridos, dos 30 mandados, 7 são de pessoas que já estão presas, um foragido em Capitan Bado, no Paraguai, um mandado sendo cumprido em Ivinhema, Distrito de Nova Casa Verde e os demais em Nova Andradina. Mandados de condução coercitiva e de busca e apreensão também estão sendo cumpridos.

Conforme apurado pela reportagem, as investigações tiveram início em março deste ano, entre os crimes cometidos pela organização estão narcotráfico, lavagem de dinheiro, roubos, receptação, furtos de veículos, residência, corrupção de menores, entre outros crimes.


Participam da operação, policiais civis de Nova Andradina, Batayporã, Taquarussu, Força Tática de Nova Andradina, Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros), Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos) e Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) e Deco.


Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE