PUBLICIDADE

Crianças com autismo fazem a festa em visita ao douradão durante treino do sete


Sorrisos, gestos de carinho e muita alegria. Esses foram os ingredientes durante a visita das crianças da AAGD (Associação de pais e amigos dos autistas da Grande Dourados). A interação foi no estádio Douradão, no penúltimo treino do Sete de Dourados antes da primeira partida da semifinal contra o Operário-MS.


No fim dos trabalhos, os jogadores e comissão técnica permaneceram no gramado e interagiram com as crianças. Fernando Hilário, goleiro do Sete de Dourados brincou os visitantes. 


Isso aqui serve de lição para gente, aprendemos a dar um pouco mais de valor no mínimo que temos. Ficamos felizes por eles virem hoje. E isso motiva a gente, não só para o jogo de domingo, mas para vida. A gente levar essa alegria e vontade de viver que eles têm destacou o capitão do Sete.


Abril é o mês de conscientização sobre o autismo. Síndrome que atinge mais de 70 milhões de pessoas em todo mundo. Na associação de Dourados são realizadas atividades para desenvolver a qualidade de vida dos autistas. 


O Presidente da associação também esteve no estádio Douradão e recebeu das mãos do técnico Chiquinho Lima uniforme do Sete de Dourados, além de bolas oficiais do campeonato sul-mato-grossense. 


Para eles é um momento de grande expectativa e assim é possível criar a interatividade e socialização deles com a comunidade, no caso os jogadores, isso é bom para divulgar pra toda sociedade o que é o autismo, destacou o presidente da AAGD, Francisco Sobrinho.


O técnico Chiquinho Lima disse a interação com as crianças é muito importante para elas e o grupo.


 A gente gosta muito disso, essa interação descontraí os atletas e a gente vê a felicidade no rosto das crianças. Isso é muito bom pra todos. E nossa casa está sempre aberta para essas crianças, finalizou Chiquinho Lima.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE