PUBLICIDADE

DEODÁPOLIS: Jovem vende carro no cheque e depois descobre que pode ter caído em golpe


Um jovem de 22 anos procurou na tarde de ontem (21) a delegacia de Policia Civil de Deodápolis para registrar uma ocorrência de um possível estelionato, no qual o jovem perdeu o seus veiculo em uma venda mal sucedida.

 

Conforme apurou o Deodapolisnews, a vitima procurou a delegacia, para informar que anunciou a venda do seu veiculo em vários classificados na rede social facebook, sendo que uma pessoa identificada como Marcelo Paiva entrou em contato com ele durante a última semana, sendo que no dia 19 a pessoa de Marcelo veio até Deodápolis para negociar a venda do veículo, que foi concretizada, no qual o autor informou que iria depositar um cheque na sua conta no valor de R$ 18.500,00 (dezoito mil e quinhentos reais).

 

A vitima conferiu sua conta e constatou o deposito do cheque, sendo que cairia na conta apenas dois dias depois, por isso a vitima passou o carro para Marcelo que chegou a informar que era veterinário e trabalhava numa fazenda em Angélica, no qual ainda informou que morava na Rua Alameda Onze, bairro Floresta, na cidade de Angélica.

 

Porém ao passar os dois dias o jovem constatou que o cheque não caiu na sua conta e tentou contato com Marcelo que não atendia mais o celular sendo que a chamada cai direto na caixa de mensagens.

 

Ao procurar mais informações sobre o cheque ficou constatado que foi depositado na cidade de João Pessoa-PB, diante dos fatos suspeita que Marcelo tenha praticado o crime de estelionato e registra  o boletim de ocorrência para o caso ser investigado.



LEIA MAIS

Polícial
PM prende ex-cunhado suspeito de matar homem a machadadas em MS
Suspeito negou o crime
Polícial
Funcionários de olaria são presos com rifles
Polícial
Tiroteio termina com prisão de policiais e apreensão de avião com cocaína na fronteira
Sete policiais paraguaios foram presos
Polícial
Presos do PCC torturam agentes penitenciários durante rebelião em presídio
Um dos reféns teve o rosto cortado e recebeu diversas perfurações de faca artesanal. Os outros três servidores também foram agredidos
Polícial
Seminua, mulher de 35 anos é encontrada morta em casa de aluguel
Conforme levantamento da perícia, vítima estava morta há 14 dias
Polícial
Subtenente que ateou fogo em quartel terá que fazer tratamento
Ele foi considerado semi-imputável durante julgamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE