Ivinhema - MS, sexta-feira, 21 de setembro de 2018

20º min
28º min



Publicado em: 10/03/2018 às 08h37

Trio diz que foi espancado por seguranças em show do Projota; garota levou 'mata leão'

Responsável pela segurança diz que grupo subiu no palco para agarrar cantor


Topmidia News

Foto: Divulgação

O show do rapper Projota, no clube Estoril, em Campo Grande, terminou com a denúncia de espancamento de três pessoas, na madrugada deste sábado (10). As vítimas são um casal e uma jovem de 23 anos, que diz ter desmaiado ao levar um 'mata leão' dos seguranças.

 

Conforme uma das vítimas, ela foi retirada do show por dois seguranças e, após um golpe de artes marciais, desmaiou na parte interna do clube. O fato teria sido confirmado pelo irmão dela.

 

Assim que a Polícia Militar chegou ao local, um casal denunciou que também foi espancado. No boletim de ocorrência consta que a mulher de 25 anos ficou com escoriações nos dois braços, no pescoço e dores no couro cabeludo por conta dos puxões de cabelo e no lado direito do quadril.

 

O esposo, de 34 anos, registrou que cortes no supercílio esquerdo, luxação no antebraço esquerdo, escoriações na região lombar direita e joelho esquerdo.

 

Policiais militares acionaram o coordenador da segurança do evento, que declarou que o caso ocorreu ao final do evento, quando o trio subiu no palco e queria agarrar o cantor. Diante da situação, o homem disse que o corpo de seguranças usou de força moderada para contê-los.

 

Ainda de acordo com o coordenador, que representa a empresa JD Segurança Privada, foram 13 seguranças que aturam com ele no show do rapper.

 

Na delegacia, a Polícia Civil orientou o responsável pela segurnça a salvar as imagens das câmeras de segurança do show.