PUBLICIDADE

| ANA CLAUDIA


PUBLICIDADE

Seria natural pensar que o Real Madrid sofreria com a saída de Cristiano Ronaldo. A ida da maior estrela do elenco blanco ligou o sinal de alerta por conta da “Cristianodependência”. No entanto, a transferência do então rei de Madri para a Juventus fez ascender dois fortes candidatos à nobreza merengue. Na primeira vez que atuam no time sem CR7 fazer parte do plantel, Benzema e Bale alcançaram o melhor início de temporada de suas carreiras.

 

Enquanto Cristiano Ronaldo ainda não conseguiu seu primeiro gol pela Juventus em jogos oficiais, Bale e Benzema vivem uma fase com bom número de gols. Para o jornalista espanhol da rádio "Marca" Miguel Toribio, a ausência da antiga maior estrela influencia na fase goleadora dos jogadores, destacando o fato de a dupla ter assumido o status de principais nomes do time.

 

- O que os dois têm em comum é que deram um passo à frente. Têm mais responsabilidade. Sem Cristiano, precisam assumir o papel de goleadores. Sabem que antes podiam ter um dia ruim, porque poderiam ficar protegidos sob as asas de Cristiano. Agora, assumiram todo o protagonismo - apontou o jornalista.

 

A mudança que o time passou depois que Cristiano Ronaldo deixou Madri teve reflexos na função tática de ambos os jogadores. Apesar de a equipe ainda jogar no esquema 4-3-3, os jogadores de ataque passaram a ter muito mais liberdade para se movimentar, como destacou o jornalista do jornal "Marca" e correspondente do Sportv, Fernando Kallás.

 

- Antes, CR7 engessava a distruibuição tática dos jogadores de ataque, porque ele sempre jogava no mesmo lugar, aberto pela esquerda. Agora existe muito mais movimentação entre Bale, Benzema e Asensio, trocando de posição constantemente. E, além disso, existe um trabalho de pressão alta na saída de bola que não existia antes - explicou Fernando.

 

Na última temporada, Benzema atuava mais em função da equipe - e, claro, de Cristiano Ronaldo, como destacou o ex-treinador merengue Zinédine Zidane.

 

- Karim foi importante para o equilíbrio do ataque em termos de como queria que a equipe atacasse. Ajudou a implementar nosso jogo de posse com seus companheiros de equipe. Se coloca à disposição e é um verdadeiro jogador de equipe - disse Zidane, em entrevista ao site da Uefa.

 

No plantel atual do Real Madrid, Benzema se tornou homem de referência no ataque do time. Nas quatro primeiras partidas da temporada, o francês passou a buscar mais o gol. Até o momento, o camisa 9 balançou a rede em cinco oportunidades, média de 1,25 por partida, a melhor da carreira em início de temporada.

 

- No caso de Benzema, ele passa a ser mais centroavante do que ponta. Agora a primeira opção dele é o gol. Antes, era buscar Cristiano - disse Toribio.

 

Gareth Bale segue caindo preferencialmente pelo lado direito do ataque. No entanto, sem Cristiano pela outra extremidade do campo, há a possibilidade de maior mobilidade do camisa 11, aparecendo mais livre para circular ao longo do jogo, o que rendeu um início de temporada com mais gols também para o galês.

 

Quase sempre que Cristiano estava, Bale jogava pela direita em um 4-3-3. Agora, sem CR7, vemos que ele tem mais liberdade de movimento. Ele geralmente começa a partir da direita, mas às vezes troca de posição com Asensio, e aparece até mesmo pelo centro. Está posicionalmente mais liberado, já que pode ocupar toda a frente do ataque - disse Miguel

 

O ataque da equipe vem apresentando números animadores. Já são 12 gols marcados, sendo oito deles da dupla Bale e Benzema - dois terços do total. No entanto, o jornalista da rádio "Marca" ressalta que é preciso ter calma, já que as equipes que o Real enfrentou no Espanhol são de baixo poderio na competição.

 

"É preciso esperar. Na La Liga, o Real enfrentou Getafe, Girona e Leganés, rivais muito inferiores", destacou Toribio.

 

Com 100% de aproveitamento no Espanhol e buscando consolidar a boa fase do novo ataque, o Real Madrid volta a campo para encarar o Athletic de Bilbao, no sábado, no Estádio de San Mamés, pela quarta rodada do Campeonato Espanhol.

 



LEIA MAIS

Esportes
Palmeiras está perto de anunciar meia Felipe Pires, do Hoffenheim
Esportes
Pratto salva o ano e cumpre promessa pelo River de marcar contra o Boca, ex-time do coração
Contratação mais cara da história do campeão da Libertadores, atacante quase perdeu posição no time há dois meses
Esportes
São Paulo busca no mercado auxiliar técnico de Jardine para 2019
Esportes
Classificação do returno: Atlético-MG e Corinthians entram no Z-4; Palmeiras dispara no topo
Derrotas para Grêmio e Botafogo deixam Galo e Timão na zona do rebaixamento do segundo turno. Palmeiras vence vice-líder Santos e abre oito pontos de vantagem
Esportes
Galiotte planeja discutir renovações após Brasileiro e Libertadores
Esportes
Brasil passa por cima do Quênia e avança para segunda fase no Mundial de vôlei
Com 3 sets a 0, seleção garante vaga na próxima fase da competição
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE