PUBLICIDADE

Homem é baleado nas costas e pede ajuda a moradores

Caso ocorreu na tarde desta sexta-feira

| MIDIAMAX


Imóvel onde a vítima pediu ajuda. Foto: Leonardo de França
PUBLICIDADE

Homem ainda não identificado foi baleado nas costas na tarde desta sexta-feira (29), no bairro Tiradentes, em Campo Grande. Ele estava bastante agitado e pediu ajuda a moradores nas imediações da Rua Bela Cintra.

 

Conforme apurado, uma testemunha de 37 anos disse que estava em um bar, quando viu um desconhecido se aproximando, andando de um lado para o outro na via. Quando se aproximou, constatou que era um homem baleado.

 

A vítima aparentava estar sob efeito de entorpecentes, pois dizia frases desconexas e demonstrava grande agitação. Havia ferimento por disparo de arma de fogo nas costas e uma lesão no joelho. Além disso, segurava uma garrafa quebrada.

 

Diante da situação, os moradores acionaram o Corpo de Bombeiros, que foi ao local e não encontrou mais o ferido. A informação era de que ele havia saído e supostamente foi socorrido por terceiros, sendo levado ao posto de saúde do bairro.

 

A Polícia Militar foi à unidade de saúde em busca da vítima, a fim de levantar informações sobre o ocorrido, mas ninguém foi localizado.



LEIA MAIS

POLICIAL
Motorista perde controle bate em poste e casal fica preso nas ferragens em MS
Foi necessário o uso de desencarcerador para a retirada das vítimas
POLICIAL
Idosa grita por socorro e vizinhos perseguem bandido que acaba preso em CMS
Tinha pulado o muro da casa para cometer o furto
Capital
Caminhão derruba fiação e deixa moradores sem energia elétrica em MS
Fio de energia estaria encostando no chão e concessionária afirmou que priorizaria atendimento
Capital
Três são detidos por realizarem festa com 200 pessoas na Capital
Testemunhas denunciaram o estabelecimento
POLICIAL
Caminhoneiro encontra corpo com marcas de tiro jogado em córrego em MS
Caminhoneiro contou que veículo estragou em frente ao local após falha mecânica
Capital
MS recebe lote com 4 mil doses de Coronavac para aplicação da 2ª dose
Sesau pediu novas doses para completar vacinação em pessoas com a D2 atrasada
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE