PUBLICIDADE

Polícia pede imagens de câmeras e escala de servidores para apurar estupro no HRMS

Suspeito seria um dos funcionários da unidade

| MIDIAMAX


Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Pedrossian, em Campo Grande. (Foto: Edemir Rodrigues, Subcom-MS)
PUBLICIDADE

A Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) assumiu as investigações de estupro de vulnerável cometido contra uma paciente de 36 anos no HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul). O caso veio à tona na semana passada, após denúncia feita pela mãe da vítima.

 

Conforme nota divulgada à imprensa nesta segunda-feira (08), pela Polícia Civil, o inquérito está sob os cuidados da delegada Maíra Machado. Foram solicitadas as imagens de câmeras de segurança da unidade de saúde, bem como a escala de plantão dos servidores que estavam de serviço na data dos fatos.

 

A delegada requisitou ainda oitiva com o corpo de enfermagem que estava no plantão. Os funcionários devem ser ouvidos nesta semana. Também deve ser realizado o depoimento da paciente, que poderá comparecer logo que estiver em condições.

 

“Até o momento a autoria não foi identificada, no entanto, a partir do recebimento da escala de plantão dos servidores, será possível a qualificação do suspeito. Após o término das diligências, a Deam informará as conclusões da investigação, com a apuração da autoria e materialidade”, disse a polícia em nota.

 

Conforme já noticiado, a mãe da vítima, uma advogada, procurou a delegacia para registrar a ocorrência. A paciente foi transferida de andar após os fatos e o suspeito seria um técnico de enfermagem que, inclusive, já teria sido afastado das funções. Não foram reveladas outras informações.



LEIA MAIS

POLICIAL
Motorista perde controle bate em poste e casal fica preso nas ferragens em MS
Foi necessário o uso de desencarcerador para a retirada das vítimas
POLICIAL
Idosa grita por socorro e vizinhos perseguem bandido que acaba preso em CMS
Tinha pulado o muro da casa para cometer o furto
Capital
Caminhão derruba fiação e deixa moradores sem energia elétrica em MS
Fio de energia estaria encostando no chão e concessionária afirmou que priorizaria atendimento
Capital
Três são detidos por realizarem festa com 200 pessoas na Capital
Testemunhas denunciaram o estabelecimento
POLICIAL
Caminhoneiro encontra corpo com marcas de tiro jogado em córrego em MS
Caminhoneiro contou que veículo estragou em frente ao local após falha mecânica
Capital
MS recebe lote com 4 mil doses de Coronavac para aplicação da 2ª dose
Sesau pediu novas doses para completar vacinação em pessoas com a D2 atrasada
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE