PUBLICIDADE

Agnaldo Timóteo morre aos 84 anos vítima de covid-19

Cantor estava internado desde o dia 17 de março, mas não resistiu as complicações da doença

| CAMPO GRANDE NEWS


Cantor estava internado desde o dia 17 de março (Foto: Reprdução)
PUBLICIDADE

O lendário cantor Agnaldo Timóteo morreu vítima das complicações decorrentes da covid-19 neste sábado (3) no Rio de Janeiro. Ele tinha 84 anos.  O artista estava internado desde o dia 17 de março na UTI do Hospital Casa São Bernardo, na Zona Oeste do Rio.

Segundo boletim médico, no último dia 27, Agnaldo precisou ser intubado para 'ser tratado de forma mais segura' contra a doença.

Em nota nas redes sociais, a família se manifestou. 'É com imenso pesar que comunicamos o falecimento do nosso querido e amado Agnaldo Timóteo. Agnaldo Timóteo não resistiu as complicações decorrentes da covid-19 e faleceu hoje às 10:45 horas. Temos a convicção que Timóteo deu o seu Melhor para vencer essa batalha e a venceu! Agnaldo Timóteo viverá eternamente em nossos corações! A família agradece todo o apoio e profissionalismo da Rede Hospital Casa São Bernardo nessa batalha', disse.



LEIA MAIS

Geral
Brasil teve 14 mil denúncias de abuso sexual infantil em 2020
Número de abuso sexual, estupro e exploração sexual contra crianças e adolescentes pode ser ainda maior
Geral
Vacina da Pfizer tem mais de 95% de eficácia, aponta estudo
Pesquisa publicada no periódico científico Lancet foi feita com base em dados da campanha de vacinação contra a covid-19 em Israel
LUTO
Ator Paulo Gustavo morre aos 42 anos vítima da Covid-19
Responsável por alguns dos maiores sucessos do cinema nacional, humorista deixa marido e dois filhos
Geral
Danilo Gentili testa positivo para Covid-19: 'Conto com as orações de vocês'
"Praticamente não posso tomar nenhum medicamento", disse o apresentador e humorista em rede social
Geral
Começam inscrições para bolsas remanescentes do Prouni
Prazo vai até esta terça; resultado sai na sexta-feira
Geral
Dólar fecha a R$ 5,45 e tem maior sequência de baixas desde 2016
O dólar à vista caiu 1,67%, a R$ 5,4558 na venda. É a maior baixa percentual diária desde 31 de março (-2,23%)
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE