PUBLICIDADE

Polícia Federal investiga morte de animais no Pantanal

| MIDIAMAX


Animais foram encontrados em propriedade rural na região pantaneira de Corumbá - Crédito: Reprodução O Pantaneiro/Pedro Nacib/Reprocon
PUBLICIDADE

A Polícia Federal (PF) iniciou investigação a respeito do caso das duas onças pintadas e mais 18 animais encontrados mortos fazenda localizada no Pantanal, em Corumbá (MS).

 

Conforme o Dourados News divulgou na última sexta-feira, agentes Instituto Reprocon (Reprodução Para Conservação) e do Ibama analisaram no 17/6 os corpos de duas onças pintadas, uma delas monitorada, e outros 18 animais encontrados em propriedade rural na região do Passo do Lontra, zona pantaneira de Corumbá. Até o momento, a suspeita principal é de envenenamento criminoso causado pelo uso indevido de veneno agrícola, ilegal no mercado brasileiro.

 

Os policiais foram até o local, junto às equipes do Reprocon e Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) para realizar exames periciais e coletar material para determinar as causas das mortes.

 

Segundo informações da PF, foram localizados além das duas onças-pintadas, as carcaças de um bovino, um cachorro do mato, dois carcarás e quatorze urubus, todos em estado de decomposição. Além de grande quantidade de moscas, também mortas.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE