PUBLICIDADE

Casal foi preso em concessionária retirando moto financiada com documento falso

Veículo seria vendido e o valor dividido entre três pessoas

| MIDIAMAX


Foto: Ilustrativa
PUBLICIDADE

O MPMS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) denunciou duas mulheres e um homem por estelionato, após tentativa de compra de uma moto com documentos falsificados em Campo Grande. As duas mulheres, que são casadas, foram presas na concessionária, no momento em que retiravam o veículo.

Consta na peça acusatória que no dia 24 de outubro de 2019, o casal foi a uma loja localizada na Avenida Mato Grosso, oportunidade em que uma delas, usando carteira de identidade com nome de outra pessoa, contratou o financiamento de uma Honda CG 160 Fan. No entanto, os vendedores desconfiaram da dupla.

A Polícia Civil foi acionada e, no dia combinado para entrega do veículo, o casal acabou preso em flagrante. A mulher que fez o financiamento, alegou ter sido aliciada pela companheira, que a apresentou a um homem que foi o responsável por entregar a documentação falsificada. Na casa delas havia vários dados de terceiros que seriam usados em outras fraudes.

Os policiais só chegaram aos autores por conta do nome apresentado no ato da compra, que seria o mesmo nome que vinha sendo usado em outras tentativas de golpe na Capital. O trio foi identificado e, apesar das provas, o homem nega envolvimento, assim como as duas mulheres. No próximo dia 15 de julho, será realizado o interrogatório dos réus.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE