Presidente do STJ julga pedido de suspensão de liminar que pode devolver cargo a Bernal


PUBLICIDADE

O ex-prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP) entrou com uma Suspensão de Liminar e de Sentença no STJ (Superior Tribunal de Justiça). De acordo com as informações, o processo já foi encaminhado ao presidente do STJ, Francisco Falcão, e aguarda uma decisão.


O processo foi protocolado no dia 7 de novembro deste ano. O ex-prefeito cassado pelos vereadores de Campo Grande disse ao Jornal Midiamax que espera decisão favorável \"sendo no TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) ou no STJ\".


“Até hoje só foi feito um julgamento de mérito e nesse julgamento eu ganhei e retornei, mas ele entraram com recurso e eu sai, até hoje não teve julgamento de mérito desse recurso”, argumenta.


Ainda de acordo com Bernal, a atual administração está criando um caos em Campo Grande. O ex-prefeito disse que acredita na Justiça e espera uma decisão favorável ao seu retorno à Prefeitura da Capital sul-mato-grossense. “Pode até atrasar, mas não falha”, declarou.


Cassado em março de 2014, Bernal voltou a acusar os vereadores que votaram a favor de seu afastamento da Prefeitura. “Os vereadores que me cassaram ocuparam secretarias com orçamentos, obtiveram vantagens indevidas e isso se chama corrupção”, ataca.


Bernal disparou também contra o procurador-geral do Município, Fabio Castro Leandro, filho do desembargador e presidente do TJMS, Paschoal Leandro Carmelo, e o secretário de Governo, Rodrigo Pimentel, filho do desembargador Sideni Soncini Pimentel. \"Se apresentam como se fossem os donos da Justiça\", disse.


Nos siga no




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE